sábado, 19 de fevereiro de 2011

Oeiras Ainda Melhor


Hoje, é apresentada a candidatura "Oeiras Ainda Melhor", encabeçada pelo Conselheiro Nacional do nosso Partido, Ângelo Pereira, à Concelhia de Oeiras do PSD. Por ter assumido, há já muito tempo, compromissos para os dias de hoje e de amanhã, não vou poder estar, nestes dois dias, em Oeiras. Contudo, não queria deixar de passar a oportunidade de, aqui e hoje, manifestar o meu apoio à sua candidatura, que é absolutamente incondicional.


Começo por agradecer o convite que me foi feito para ser o Mandatário para a Juventude.

Aceitei-o, sobretudo, por três razões. Em primeiro lugar, sou um jovem interessado pela política, empenhado em mobilizar os mais jovens para a importância desta no seu dia-a-dia, na qualidade da sua vida. Milito no PSD desde os 18 anos, mas, antes de poder ser militante, já era, porque sempre fui, um jovem social-democrata. Em segundo, vivo em Oeiras desde que nasci, este é o meu Concelho, testemunhei o impulso que o nosso Partido lhe deu, tendo sido determinante para que possamos viver naquele que será o melhor concelho do país. E, em terceiro, porque conheço o Ângelo Pereira há muitos anos, um homem que, apesar de nunca pôr de parte, numa primeira fase, a sua vida estudantil e académica e, numa segunda, a sua vida profissional e familiar, sempre deu com todas as suas forças e com empenho total, o melhor que podia e sabia ao nosso Partido.

Com a criação da Concelhia de Oeiras, fica preservada a estreita ligação com os militantes que serão, certamente, o maior activo do PSD. Mas fica, ao mesmo tempo, assegurada uma voz única e, por isso, mais forte e mais capaz do Partido neste Concelho.

Por isso, esta eleição tem uma grande importância. Trata-se de escolher um representante, um porta-voz de todos os militantes do Partido no concelho de Oeiras, facto que trará um maior peso à vontade dos militantes quando formos chamados a decidir, por exemplo, os nossos candidatos para as eleições autárquicas. Mas o facto de passarmos a ter, a partir de 28 de Fevereiro, uma única voz, trará outro peso à vontade dos militantes do PSD de Oeiras no contexto nacional.

A História ensinou-se que unir é sinónimo de fortalecer. E é disso que se trata nesta eleição: tornar-nos ainda mais fortes.

Confio no Ângelo Pereira, como acima já fiz questão de referir, por ser um homem que conheço há já vários anos. Testemunho o seu empenho, as suas convicções, a energia que investiu para potenciar o nosso partido e também a sua paixão pelas causas sociais e por algo que ajudou a incutir nos mais jovens militantes deste partido, que são as políticas de proximidade.

Podemos dizer que, em Portugal, o PSD é o partido do trabalho, o partido das pessoas e, por isso, é o grande partido que representa transversalmente a sociedade civil e a maior força do poder local.

O Ângelo representa isso como nenhum outro. Traz consigo uma equipa de pessoas qualificadas, que conhecem o partido e a realidade do concelho, mas que, além de terem prestado serviços de grande utilidade ao nosso Partido, têm provas dadas na sua vida profissional.

Fica também assegurado um novo fôlego com a renovação que já está a ser feita. Com mais e melhor juventude, em Oeiras poderemos continuar a ter esperança relativamente ao nosso futuro enquanto povo.

Esta lista representa aquilo em que nós, jovens, acreditamos. Sonhamos que podemos mudar o mundo. E só se pode mudar o mundo, se os responsáveis políticos, nomeadamente aqueles em que nós delegamos a confiança de nos representar através do voto democrático, estiverem na política para servir o País, servir o Partido, servir o Concelho, servir o próximo.

O que os move é aquilo que me move a mim. É o PSD, é Oeiras e é Portugal.

No próximo dia 28 de Fevereiro, segunda-feira, vamos todos votar na Lista B.

1 comentário:

Helder Sá disse...

Excelente texto de apelo á unidade do PSD e a uma voz única em Oeiras. Parabéns.